© Criado em 2010 por Agência 1a+. 

CURSO DE CONTROLES INTERNOS PARA SUPORTE NA AUDITORIA

A CARBON Consultivo oferece treinamentos e cursos personalizados que engajam e dão resultado. Somos  uma empresa de treinamentos empresariais com foco no desenvolvimento de pessoas. Através de cursos abertos, cursos in company ou projetos.
Curso de Extensão de Controles Internos para  Como Suporte à Auditoria
      Visão Prática
Objetivo
O Projeto visa
  • Apresentar a estrutura de controles internos proposta pelo COSO (Componentes, princípios e pontos de foco)

  • A função do controle interno (desde a definição), suas limitações e critérios de avaliação de eficácia negócios

  • As funções e responsabilidades inerentes ao controle interno nas organizações, assim como a aplicabilidade/utilidade da estrutura COSO para os profissionais em geral.

  • A disciplina tem por objetivo especialmente apresentar uma visão prática através de conceitos, metodologias e técnicas de gestão de processos e estruturação de sistemas de controles internos das empresas.

Público alvo
Diretores, Gerentes, Coordenadores, Supervisores e Analistas dos segmentos de Gestão de Riscos, Auditoria, Controles Internos e Consultoria. Profissionais que têm relação direta ou indireta com os segmentos descritos
Metodologia
A metodologia empregada neste curso será a da exposição dialogada e aplicação de exercício em grupo ou individual.
Vantagens
Este projeto busca garantir que os processos, controles, aspectos tributários, trabalhistas e contábeis funcionem como um conjunto de ferramentas, gerem dados confiáveis e auxiliem a administração na condução dos negócios, abrangendo aspectos como:
  • Fortalecimento dos controles internos por meio de análises e sugestões de aprimoramento;
  • Qualidade de informações para tomada de decisão gerencial;
  • Segurança dos sistemas informatizados e segregação de função;
  • Estruturação da empresa para mensuração de patrimônio e captação de investimentos;
  • Mensuração do nível de exposição aos riscos inerentes às atividades operacionais.
.
CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

1) Conceitos Gerais

  • Significado e origem histórica dos processos e controles internos;

  • Órgãos que regulamentam a atividade no Brasil;

  • Partes interessadas em um trabalho de gestão de processos e controles internos.

2) Gestão de Processos x Gestão por Processos

  • Visão de Processos;
    o Definição de processo (Missão e Visão).
    o Arquitetura do processo (Organograma).
    o Papéis de matriz de responsabilidade.
    o Documentação.

  • Gestão de Processo de Negócio.
    o Estratégia de negócio.
    o Os processos e a cadeia de valor.

  • Gestão por Processos.
    Mapeamento de Processos.

  • o Priorização de processos chave.
    o Mapeamento e Identificação de processos, sub-processos, atividades e tarefas através de Fluxogramas e Narrativas.

3) Estruturação do sistema de Controles internos

  • Conceitos;
    o Riscos.
    o Fatores de Riscos.
    o Fatores críticos de sucesso.
    o Atividades de Controles.

4) Metodologia para implantação do sistema de controles internos;
 

  • Pessoas, Processos, Sistemas e Indicadores.

  • Limitações inerentes aos sistemas de controles internos.

  • Características de um sistema de controles internos.

  • Responsabilidades pela determinação, execução e monitoramento dos controles internos.

4) Visão geral do modelo COSO (Committee of Sponsoring Organizations of The Treadway Commission) de Controles Internos.

  • Objetivo;

  • Conceitos.

  • Os 3 objetivos do sistema de controle interno: operacional, relatórios financeiros e conformidade.

  • Os 5 componentes do modelo COSO: Ambiente de Controle, Gerenciamento de Riscos, Atividades de Controle, Informação e Comunicação Monitoramento.

5) Aplicação Prática

  • Orientação na elaboração do:
    o Programa de Trabalho;
    o Narrativa ou Fluxograma;
    o WALK-THROUGH;
    o Plano para testes de controles;
    o Sumário de Pontos..

6) BIBLIOGRAFIAS (Referência e Indicação):

  • Attie, Willian. Auditoria – Conceito e Aplicações. Editora Atlas. São Paulo, 1998.

  • Araújo, Luís Cesar. Gestão de Processos. Editora Atlas. São Paulo, 2011.

  • Dias, Sérgio Vidal. Auditoria de Processos Organizacionais. Ed. Atlas. São Paulo, 2011.

  • The Committee of Sponsoring Organizations of the Treadway Commission (COSO) – Internal Control – Integrated Framework.

Consulte-nos sobre treinamentos In Company!